domingo, 28 de agosto de 2011

Festinha em casa

Essa semana tivemos uma festinha para comemorar que o meu chefe foi promovido. Como álcool é proibido por aqui, para comprar é preciso ser estrangeiro ou de outro estado . É preciso tirar uma licença e ir ao lugar autorizado para comprar bebidas. E só se pode comprar até 4 garrafas por mês e ainda por cima é caro. Minha amiga foi ao estabelecimento comprar bebidas com a licença de outra pessoa e assinou o nome errado! Mas mesmo assim conseguiu comprar.
A festa foi lá em casa, no apartamento de baixo, e foi muito divertida. Nessa foto o meu chefe esta na esquerda com camisa listrada. Ele estava lá apenas tirando fotos e filmando as partes mais engraçadas da festa, não se aventurou na pista de dança improvisada.
Uma engenheira ficou bêbada e o meu amigo iraniano divertiu todos com o jeito peculiar de dançar. Até hoje ainda estamos rindo da festa. E a única baixa que tivemos foi um copo quebrado.
Agora estou indo para um trabalho de campo num lugar bem distante, 8 horas de viagem. A viagem foi longa e cansativa.
Na esquerda está uma foto do lugar que comemos na estrada... Kurry King!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Krishna Janmashtami

Meus amigos (Adhip, Mohit, Divyank e Payam) me convidaram para ir a um templo hoje, já que estava acontecendo um dos grandes festivais (Krishna Janmashtami) hindus na cidade. Em algumas cidades como Mumbai é muito popular um ritual de uma pirâmide humana com a quebra de um jarro de leite no topo, que simboliza o alcance de um objetivo pela equipe.
Os hindus tem milhares de deuses diferentes e cada deus pode ter mais de uma representação, algo bem complexo e difícil para a gente como eu entender. Meus amigos tentaram me explicar, mas ainda preciso de outras aulas para começar entender a complexidade das histórias...
Tiramos os nossos sapatos na entrada no tempo (na volta perdi os meus sapatos no meio das milhares de prateleiras, depois descobri que foi um dos meus amigos que escondeu!) e entramos em uma fila infinita. Como qualquer outro lugar na Índia, uma grande multidão enfrentava as filas para entrar. 
O templo era animado, umas pessoas estavam tocando instrumentos musicais e cantando. A multidão ia caminhando e acompanhando a música. O templo era muito bonito, com estátuas, pinturas, adereços, tudo muito colorido. E as pessoas em geral usam sempre roupas muito coloridas.
Na saída, recebemos uns docinhos de leite, pedrinhas de açúcar cristal e bananas. Voltamos andando e demos uma paradinha rápida para tomar água de coco e tomar sorvete. E também tiramos fotos com umas vaquinhas na rua... :-) 

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Independence day

Decoração: Arranjo de flores e folhas
A comemoração do dia da independência começou com um café da manhã muito gostoso (para os padrões normais do dia a dia) no escritório, logo depois de hastear a bandeira e cantar o hino nacional.
Depois de dois meses sem dias de folga, aproveitei muito bem meu primeiro feriado para descansar o dia inteiro. Descansei tanto que acabei dormindo menos a noite. 
Depois da nossa soneca da tarde, fomos fazer compras no supermercado e no shopping. A noite nos reunimos para assistir um filme em casa. Tivemos que assistir os filmes que temos gravados em dvd ou no computador, porque a tv para de funcionar todas as vezes que chove (ou melhor sempre). 
Amanhã estou indo para um trabalho de campo, talvez o penúltimo trabalho enquanto trainee. Espero que tudo dê certo... :-)

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Despedida

Arquivo depois...
Depois de dois dias trabalhando no arquivo, pelo menos recebi um "bom trabalho" do meu chefe. Mal acabei a tarefa e já recebi um monte de outras para fazer. 

Amanhã é um feriado religioso aqui na Índia. O nome desse festival é Raksha Bandhan, ou apenas Rakhi, onde as irmãs dão uma bracelete aos irmãos em troca de proteção (mas também ganham um dinheirinho). Fiquei pensando como ia ser legal, todos os anos dar um bracelete baratinho para o Renato (meu irmão) e ganhar dinheiro em troca! Leia mais sobre esse festival aqui.

Hoje foi o jantar de despedida e de comemoração da promoção da Alyaa, que vai tirar um mês de férias. Fomos jantar no restaurante Barbecue Nation, onde tivemos churrasquinho e sobremesas deliciosas. O engraçado é que eles também tem churrasco vegetariano: uns milhos, queijos, pimentões, cogumelos, frutas na brasa. Dessa vez esqueci de tirar fotos!

Acho que vamos estar sozinhos no escritório, vamos pedir pizza para o almoço... E também vamos dar um jeito de sair mais cedo do trabalho porque minhas amigas querem fazer mais compras....
Segunda feira também é feriado por aqui, comemoração da independência. Vamos ter um café da manhã especial no escritório. 

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Tecidos Indianos

Alguns tecidos...
Essa semana muitas lojas estão em liquidação por aqui. O final de semana será prolongado, pois é um feriado religioso e em seguida a independência do país.
Minha amiga da malásia aproveitou as liquidações e comprou vários tecidos para a família dela. Ela vai tirar férias esse mês e vai voltar para casa em uma semana. Ela deu sorte, pois conseguiu comprar tecidos com até 50% de desconto e comprou para toda a família!
Os tecidos que ela comprou estão na foto ao lado. São muito bonitos e de ótima qualidade. Estou indecisa, mas acho que vou comprar alguns também... Quem quer tecidos?!?
Arquivo antes...

Já no trabalho... A base está em um momento meio devagar, sem muitos trabalhos de campo. Isso significa trainees desocupados. Logo eles enchem a gente de afazeres. Então eles me dão tarefas como arrumar o arquivo, preparar os caminhões, fazer apresentações, requisições de equipamentos, teste de conhecimentos, etc... Mais trabalho do que nos dias normais!
???


Durante meu último trabalho paramos para jantar em um restaurante de estrada, comi tudo dessa vez. Já me adaptei as gororobas de estrada!
Só não me adaptei ao banheiro, que está nessa foto ao lado. Esse foi um dos mais limpos que eu vi por aí...

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Passeando por ai

Essas últimas semanas estive bem ocupada, parei em casa apenas dois ou três dias. Dessa vez fui trabalhar em lugares bem distantes, por volta de 5 ou 6 horas de viagem. Lugares muito interessantes, uns cheios de plantações, com umas aldeias no meio do nada, outros mais parecidos com desertos, planícies ou pântanos. 



Agora a casa está cheia, somos cinco trainees agora, duas meninas da Malásia, um indiano e um iraniano. O indiano e uma das meninas vão para aquele treinamento intensivo em Abu Dhabi. Estamos tentando prepará-los psicologicamente para o treinamento, falando mais pontos positivos do que negativos (rsrs).