domingo, 25 de dezembro de 2016

Natal entre Brasileiros

Peru e Farofa
Eu me esforcei, mas nunca me acostumei a passar as datas comemorativas longe da família e amigos. Tantos anos trabalhando no deserto, deixava tudo pra comemorar depois. Quantas datas eu acumulava e comemorava tudo junto de uma vez quando ia ao Brasil por exemplo. O natal já comemorei em novembro, aniversário em junho, o ovo da páscoa chegou em julho!


Hoje dou bastante valor quando consigo aproveitar um dia importante.
Salpicão e Arroz
Sempre gostei de comemorar meu aniversário, uma desculpa pra comer tudo o que tiver com vontade e encontrar os amigos. Há gente que não gosta de comemorar, mas eu acho muito legal considerar um dia mais importante que o outro pra dar mais cor à vida. 

Natal então, sempre uma data feliz, encontro com a família e bagunça com as crianças.

Não programei nada pra este Natal, pois a família do marido não comemora. Estava começando a ficar jururu.
Natal à Brasileira
Mas uma brasileira ao saber que estávamos sem programa no Natal, nos convidou de última hora para a ceia. Passamos o Natal bem à brasileira, com direito a peru, farofa, amigo oculto e discursos.

Um discurso me emocionou bastante até por ser bem parecido com o que eu passo desde 2011. Um brasileiro disse que esse era o segundo natal em 10 anos que passava junto ao filho, pois ele trabalha fora do Brasil há muitos anos.

Aniversário de Casamento
Esse deve ter sido o quinto natal que passo longe da minha mãe. Dessa vez pelo menos passei ao lado do marido e os novos amigos. Os brasileiros em Bahrain que são a nossa família longe do Brasil. 

Eu e meu marido voltamos bem felizes pra casa, pois a véspera de Natal também é nosso aniversário de casamento! E pela primeira vez estávamos juntos e aproveitamos bastante o dia desde o café da manhã até a ceia!